Bel Cesar

 
Não devemos interpretar uma interferência negativa como um retrocesso  

 
É melhor expressar o que se quer do que cobrar indiretamente aquilo de que se necessita  

 
Trauma: uma memória inacabada  


Sorrir para ser saudável
Lama Gangchen Rinpoche nos incentiva a cultivarmos dia e noite nosso sorriso interno. Ele nos ensinou uma meditação simples e profunda: de olhos fecha...

O que nos ajuda a tomar uma decisão correta?
Quem nunca fez uma lista dos pontos positivos e dos negativos diante de uma escolha? Em geral, quando as vantagens são maiores que as desvantagens, a ...

A dor é inevitável, o sofrimento é opcional
Lama Michel Rinpoche, aos 13 anos de idade, comentou em seu primeiro livro 'Uma Jovem ideia de Paz' (Ed. Sarasvati): 'Sofrimento é ter ape...

Tricotar para sentirmo-nos vivos
Quando lançamos o foco da atenção sobre uma experiência tão simples como a de fazer tricô ou crochê, ajudamos a mente a desistir de perseguir os estím...

Sem criatividade não há prazer
Ao perguntarem a Bessel van der Kolk, renomado clínico e pesquisador do campo da Psicologia do Trauma, que cuidado deveria ter um cuidador para consig...

Brincar sim, agredir não
“Estava só brincando, não leva a mal o que eu disse...” diz quem não assume a falta de sensibilidade no uso de seus movimentos e palavras. Talvez não ...

Sem perguntar, surgem respostas
Em 1991, quando escrevi o prefácio para o primeiro livro de Lama Gangchen Rinpoche, “Autocura I - proposta de um mestre tibetano”, eu o conhecia havi...

Apropriar-se de si mesmo
Certa vez, no caixa de uma farmácia em Nova York, uma senhora negra e forte me perguntou em tom incisivo: “Como vai você hoje?” e eu respondi de modo ...

Por favor, respeite minha privacidade
No filme O destino de Mister e Pete (2013) há um cena forte e saudável que exemplifica o que quero compartilhar com vocês: a importância de mantermos ...



Busca:


contato@vidadeclaraluz.com.br
São Paulo (SP)

Bel Cesar é psicóloga clínica com formação em musicoterapia no Instituto Orff em Salzburg, Áustria. Pratica a psicoterapia sob a perspectiva do Budismo Tibetano e dedica-se ao acompanhamento daqueles que enfrentam a morte desde 1990. Dedica-se ao tratamento do estresse traumático com o método de S.E.® - Somatic Experiencing(Experiência Somática), técnica especialmente empregadas no tratamento de transtorno de estresse pós-traumático, quadros de ansiedade, depressão e síndrome do pânico. Em 1987, organizou a primeira vinda de Lama Gangchen Rinpoche ao Brasil. Presidiu o Centro de Dharma da Paz por 16 anos. Desde 2004, em parceria com Peter Webb, desenvolve atividades de Ecopsicologia no Sítio Vida de Clara Luz, em Itapevi (São Paulo). É conselheira da Fundação Lama Gangchen para a Cultura de Paz. Elaborou o livro “Oráculo I Lung Ten”, compilando 108 predições de Lama Gangchen Rinpoche e outros mestres tibetanos. É também autora dos livros “Viagem Interior ao Tibete” e “Morrer não se improvisa”, “O livro das Emoções”, “Mania de Sofrer”, “ O sutil desequilíbrio do estresse” em parceria com o psiquiatra Dr. Sergio Klepacz e “O Grande Amor - um objetivo de vida”em parceria com Lama Michel Rinpoche. Todos editados pela Editora Gaia.





  • Aulas de Vinyasa Krama Yoga com Fábio Sayão
  • Hata Yoga e Kundalini Yoga - Todas as terças às 20:15h
  • O que é o Vida de Clara Luz
  • Atendimento EMDR - Método auxiliar na recuperação de traumas psicológicos


  • Lançamento do livro Grande Amor
  • O Sutil Desequilibrio Do Estresse
  • Coragem para Seguir em Frente
  • Mania de Sofrer
  • Oráculo I Lung Ten
  • Uma Viagem ao Inteior do Tibete
  • Morrer não se improvisa
  • O Livro das Emoções
  • Visitas: 115686