O seu Portal de Bem-estar e Autoconhecimento

A vida √© um ato de amor!  

A vida é um ato de amor!


:: Graziella Marraccini ::

Para falar de amor devemos ter em mente que, se o Amor √© um s√≥, a sua forma de express√£o pode ser m√ļltipla. Muitas vezes as pessoas confundem amor com atra√ß√£o sexual, ou com paix√£o. O amor pode ser absolutamente intelectual, afetivo e n√£o ter nada de sexual, ou seja, pode n√£o ser um componente indispens√°vel para que o ato sexual aconte√ßa. No entanto, √© claro que ele, V√™nus, o planeta do Amor, estar√° influenciando a sua forma de buscar prazer f√≠sico. O planeta V√™nus √© considerado pela astrologia o planeta que representa o arqu√©tipo de nossa concep√ß√£o intelectual do amor. V√™nus possui uma qualidade ‚Äėmagn√©tica‚Äô e, portanto, simboliza tudo o que nos √© agrad√°vel e que exalta os sentimentos e o bem estar. Ele exerce o poder de atrair para n√≥s aquilo que desejamos e demonstra tamb√©m o quanto somos sens√≠veis ao belo, √†s demonstra√ß√Ķes art√≠sticas e culturais. V√™nus, regente de Balan√ßa, simboliza essa concep√ß√£o art√≠stica e intelectual do amor. V√™nus, regente de Touro, simboliza nosso conceito de prazer e conforto f√≠sico e material. V√™nus √© o planeta da atra√ß√£o! (sabe, aquela Lei da Atra√ß√£o ensinada no livro ‚ÄúO Segredo‚ÄĚ?).

Ent√£o, quando um astr√≥logo examina seu mapa natal, pode deduzir quais suas formas de amar, quais suas formas de obter prazer, dependendo de onde se posiciona este planeta, em que signo e em que Casa astrol√≥gica ele est√°, quais os aspectos que ele forma com os outros planetas ou com os luminares (Sol e Lua). O astr√≥logo poder√° lhe explicar de que forma aproveitar ao m√°ximo as influ√™ncias positivas desse ‚Äėplaneta ben√©fico‚Äô, que atrai o bem estar, a prosperidade e o prazer. (Leia tamb√©m no site: De que jeito voc√™ ama?)

A vida √© um ato de amor: assim iniciei meu artigo desta semana. Essa frase me foi inspirada por um livro magn√≠fico intitulado ‚ÄúA biologia da Cren√ßa‚ÄĚ, do bi√≥logo americano Bruce H. Lipton (Editora Butterfly), e que estou lendo e relendo h√° v√°rios meses. O livro √© dif√≠cil e complexo, mas seus ensinamentos s√£o indispens√°veis para compreender como a ci√™ncia e a espiritualidade est√£o se unindo na vis√£o do Todo.

Neste livro o escritor prova cientificamente que as formas de vida s√£o obtidas pela aglomera√ß√£o de milh√Ķes de c√©lulas que se unem entre si pelo poder de atra√ß√£o, formando conjuntos de v√°rios tamanhos e desenhos (no micro e no macro) que se adaptam ao meio ambiente circunstante e comp√Ķem ent√£o corpos ou express√Ķes vitais materiais no reino mineral, vegetal e animal. A explica√ß√£o da ci√™ncia √© clara: as c√©lulas s√£o atra√≠das entre si pelo poder do amor! E mais ainda, o autor, doutor em biologia, prova que as c√©lulas do nosso corpo s√£o influenciadas pelo nosso pensamento, pelo nosso humor, pelo ambiente em que vivemos e pelas nossas cren√ßas. Quando compreendemos isso em profundidade tamb√©m podemos compreender que uma vida estressante √© capaz de provocar muitas doen√ßas em nosso corpo f√≠sico! Podemos entender tamb√©m que a falta de afeto e de amor s√≥ pode produzir um corpo doente, pois a multiplica√ß√£o das c√©lulas n√£o acontecer√° em harmonia e conseq√ľentemente acabar√° por provocar um c√Ęncer ou outra doen√ßa degenerativa. Podemos compreender ainda que precisamos ter uma no√ß√£o de Deus para que nossa cren√ßa nos ajude a viver em harmonia com o Todo.

Sem amor, sem esse ato de f√©, as c√©lulas, no lugar de se aglomerarem e de se multiplicarem numa demonstra√ß√£o de amor, de uni√£o entre si, de coopera√ß√£o mutua, se afastar√£o uma das outras, ir√£o se opor umas √°s outras e at√© guerrear entre si, destruindo-se mutuamente e provocando desordens de todo tipo. Conclu√≠mos que o corpo adoece por falta de amor! E isso acontece tamb√©m nas nossas sociedades desordenadas e doentes, onde o amor √© visto com desconfian√ßa e √© confundido com sexo, com promiscuidade, com inveja, com posse ou at√© com ci√ļme!

No artigo ‚ÄúV√™nus nos signos‚ÄĚ, descrevi sucintamente de que forma seu conceito de amor (ou seja, sua V√™nus) ir√° se expressar dependendo do signo onde esse planeta se encontra em seu mapa natal. No entanto, √© importante analisar todos os aspectos que esse planeta forma, ou seja, de que forma ele √© influenciado por outras energias, onde ele se encontra, com quem ele interage, e somente assim voc√™ poder√° realmente compreender qual seu conceito de Amor e de Prazer. Vou fazer ent√£o uma distin√ß√£o: existe o prazer do corpo f√≠sico que pode ser aquele oferecido por uma car√≠cia, por um abra√ßo, por uma demonstra√ß√£o de ternura, um beijo ou um ato sexual, e tamb√©m o prazer oferecido por um cobertor quentinho numa fria noite de inverno, ou uma boa sopa quente, um bom prato de comida quando temos fome, n√£o √©? Esses s√£o prazeres predominantemente destinados a suprir as necessidades de nosso corpo f√≠sico, e s√£o prazeres muito subjetivos e individuais. √Č necess√°rio compreender e aceitar essa diversidade na concep√ß√£o de prazer, pois o que me d√° prazer pode n√£o ser o mesmo que d√° prazer a outra pessoa. Existe tamb√©m o prazer intelectual que pode ser oferecido por uma m√ļsica cl√°ssica, por uma express√£o art√≠stica, por uma noite estrelada, por uma flor, por uma melodia harmoniosa, ou seja, o prazer despertado atrav√©s de nossos cinco sentidos estimulando nossas emo√ß√Ķes, e esses tamb√©m s√£o prazeres absolutamente subjetivos. No entanto, todos n√≥s reconhecemos um ato de amor que √© certamente uma no√ß√£o universal, independente de ambiente ou sociedade! N√£o h√° forma de vida na Terra que n√£o reaja positivamente a um ato de amor!

Em boa parte, essa no√ß√£o do Amor foi formada na pequena inf√Ęncia, ou at√© mesmo dentro do √ļtero materno, onde tudo era conforto e prazer. Desde o momento da concep√ß√£o (primeiro ato de amor), a intera√ß√£o entre m√£e e filho √© imprescind√≠vel para oferecer ao feto as melhores condi√ß√Ķes de desenvolvimento. Nos primeiros anos de vida, aprendemos a amar se recebemos amor! A import√Ęncia do contato do beb√™ com o seio materno √© cada vez mais reconhecida pela medicina e pela ci√™ncia como sendo o meio mais eficaz para um crescimento saud√°vel e harmonioso. Numa determinada √©poca (anos ‚Äô70) em que a ci√™ncia n√£o tinha ainda uma vis√£o hol√≠stica de nosso ser, a Nestl√© abriu uma creche modelo, em Vevey, na Su√≠√ßa, para demonstrar a efici√™ncia do leite por ela produzido. A creche era bel√≠ssima, perfeita em todos os conceitos de higiene e modernidade, a alimenta√ß√£o dos beb√™s respeitava todas as normas nutricionais, havia pediatras, enfermeiras e todas as aparelhagens necess√°rias para que os beb√™s pudessem se desenvolver perfeitamente no maior conforto. Ap√≥s alguns anos de estudo, no entanto, percebeu-se que os beb√™s dessa ‚Äėcreche modelo‚Äô cresciam menos e eram mais inquietos e chor√Ķes e estavam mais sujeitos a doen√ßas do que os beb√™s de uma creche municipal pr√≥xima onde ficavam, algumas horas por dia, os filhos dos imigrantes italianos que trabalhavam nas redondezas. A raz√£o era simples: n√£o havia amor na creche da Nestl√© (apesar dos cuidados modernos) e sobrava amor na casa e na creche dos oper√°rios italianos onde as ‚Äėmammas‚Äô alimentavam seus beb√™s ainda no seio e os acalentavam no colo quando choravam! A Nestl√© tentava, naquela √©poca, demonstrar que o leite produzido por ela era melhor do que o leite materno, mas, certamente, nenhum leite do mundo poderia substituir o calor de um colo e um carinho de uma m√£e!

Assim, caros leitores, o Amor √© a resposta para nossa felicidade! O Amor √© sem d√ļvida a chave mestra para podermos consertar a nossa sociedade que est√° t√£o doente! Podemos demonstrar amor por uma plantinha que colocamos ao lado de uma janela ensolarada para que cres√ßa forte, pelo bichinho de estima√ß√£o que foi abandonado e acolhemos em nossa casa, podemos demonstrar amor com a m√£e Terra que est√° sendo t√£o maltratada por seus filhos, tendo um comportamento mais ecologicamente correto, podemos, enfim, demonstrar amor de mil modos, mas n√£o esque√ßamos que este √© o alimento indispens√°vel para uma vida saud√°vel e harmoniosa com o Todo.


Para podermos usar essa energia c√≥smica do Amor, podemos entrar em contato com a manifesta√ß√£o de Deus de n¬ļ 12, no G√™nio Cabal√≠stico HAHAIAH: Deus do Ref√ļgio, ou Amor Incondicional. O salmo de ora√ß√£o √© o de n¬ļ 9.

Desejo-lhe uma semana cheia de AMOR em todas as suas formas!


 
 
Graziella Marraccini é astróloga, taróloga, cabalista e estudiosa de ciências ocultas e dirige a Sirius Astrology.
Clique aqui e faça seu mapa astral on-line. Atende em seu consultório em São Paulo com hora marcada no horário comercial.
Participe do WORKSHOP DE ASTRO MEDICINA
Para atendimentos e consultas, visite o site pessoal da autora.
Email: info@astrosirius.com.br
 
 

Veja também mais artigos em Astrologia

Voc√™ costuma controlar as suas emo√ß√Ķes?
Um Alerta sobre o dia de hoje
Dor silenciada
Psicoterapia para quem ouve vozes e seus familiares
 
 

Deixe sua opini√£o sobre este artigo

Gostou?
Imprima este Artigo Envie para um Amigo Outros Artigos desse Autor Adicionar aos Favoritos.
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.
As opini√Ķes expressas neste artigo s√£o da responsabilidade do autor. O Stum não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços de terceiros, conforme termo do Site.


 
 
 
Energias para Hoje

energia
I-Ching: 49 ‚Äď KO - REVOLU√á√ÉO
Uma grande agita√ß√£o traz como resultados mudan√ßas radicais. √Č preciso mudar, mas aja sem ego√≠smo e n√£o prejudique os outros.


energia
Runas: Ehwas
Discernimento, movimentar assuntos complicados.


5
Numerologia: Mudanças
A energia √© nervosa e irrequieta Dia de muita excita√ß√£o e impaci√™ncia. A mudan√ßa e a aventura estar√£o em pauta. Momento para sair de situa√ß√Ķes estagnadas e de investigar novas oportunidades. Seja flex√≠vel a adapt√°vel.
 
 
Horóscopo da Semana
Áries Áries Libra Libra
Touro Touro Escorpião Escorpião
Gêmeos Gêmeos Sagitário Sagitário
Câncer Câncer Capricórnio Capricórnio
Leão Leão Aquário Aquário
Virgem Virgem Peixes Peixes
 
 

+ Lidos na Semana anterior
1. Vênus nos Signos
2. A vida que eu queria
3. A s√≠ndrome do `pavio curto¬ī
4. O Signo Ascendente
5. Sequestradores de Alma s√£o: Abusadores emocionais, Psicopatas ou Narcisistas Perversos?
6. 6 medidas pra acordar a sua Diva!
7. A Oração do Perdão
8. Voc√™ reconhece o abuso que sofreu na inf√Ęncia e o impacto na vida adulta?

 
NOSSO TRABALHO
Quem Somos
Nossa Miss√£o
Cadastro Gratuito
Anuncie no Site
Arquivo
Depoimentos
Colunistas
CATEGORIAS
Almas Gêmeas
Astrologia
Autoajuda
Autoconhecimento
Bem-Estar
Corpo e Mente
Espiritismo
Espiritualidade
Grafologia
Or√°culos
Previs√Ķes
Psicologia
Vidas Passadas
LOJA E Serviços
Clube Profissional
Clube Semestral
Holos
Atendimentos Online
Cursos Online
Eventos
Serviços
Escolas Parceiras
SOBRE O CONTEUDO
Artigos da Semana
Horóscopo Semanal
Blog Di√°rio
Interativos e Or√°culos
Vídeos
 
MUNDO
STUM World
Somos Todos Uno
Siamo Tutti Uno
MAIS
Widgets
Celular 3G
RSS
Tablet
Mapa do Site
M√ļsicas
Ajuda
Descadastrar-se
Voltar ao Topo
© Copyright 2000 - 2015 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - Política de Privacidade
 
© Copyright 2000 - Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - Política de Privacidade
 
© Copyright 2000 - 2015 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - Política de Privacidade