Somos Todos UM - HOME
O seu Portal de Autoconhecimento e Espiritualidade



 
Home > Autoconhecimento
Meu problema é espiritual???

por Maria Silvia Orlovas


Minha primeira cliente, numa segunda feira, chegou logo me perguntando: “Será que meu problema é espiritual?”
Fiquei um tanto surpresa com sua pergunta porque se ela estava ali procurando por minha ajuda, ela própria já estava respondendo que imaginava que a questão não estava ligada apenas aos fatos dessa vida, e sim de algo espiritual. Mas não é tão simples quanto parece essa questão. Vidas Passadas realmente podem influenciar e muito as questões de nossa vida atual e trazer soluções para uma série de desacertos na nossa forma de agir, mas não definem tudo. Muitas coisas podem melhorar, e de fato melhoram, quando nós mesmos nos apoiamos e construímos um caminho positivo a seguir, mudando atitudes e trabalhando a nossa consciência.

Na terapia de Vidas Passadas, aprendemos a lidar com as energias e reconhecer nossas crenças que acabam por criar raízes para padrões de pensamento limitantes, mas hoje, no presente, podemos escolher o que pensar e como agir desde que tenhamos a mente iluminada.
Espiritualmente, somos seres eternos aprendendo com as experiências na matéria, mas mesmo sabendo disso, não podemos esquecer que a evolução acontece em todos os níveis.

Expliquei para Simone que nesta sessão iríamos deixar fluir para ver o que nos seria mostrado de suas vidas, e que depois conversaríamos sobre seus desafios. Logo, em princípio, quando ela se deitou para o relaxamento vi suas pernas amarradas, enquanto ela lutava desesperadamente para sair do lugar. Com a força de uma guerreira, ela se debatia com uma espécie de teia que cada vez envolvia mais seus membros inferiores e suas mãos. Em seguida, mergulhamos em uma aldeia do século passado. Ela apareceu como uma escrava muito bonita usando roupas de “madame”. Brincos muito longos roçavam nos seus seios praticamente descobertos, enquanto andava toda empertigada ao lado de um senhor visivelmente apaixonado por ela.
Em seguida, eles entraram numa casa e o homem ficou o tempo todo assediando-a com palavras e atitudes enquanto ela apenas suportava a presença dele. Ficou claro que não havia amor, mas interesse, ou necessidade naquele relacionamento.
Depois foi mostrado ela olhando para a lua pela janela do seu quarto enquanto aquele homem dormia. Pensativa, sofria por viver como mulher dele; seus pensamentos eram de autopiedade e, ao mesmo tempo, de um inconformismo com o que a vida estava colocando no seu caminho.
Sua alma sonhava com a liberdade e a oportunidade de reencontrar um amor antigo, um rapaz negro que ela nunca esqueceu. As cenas se passavam mostrando toda a irritação daquela moça em ter que viver ao lado de quem não amava. Por que isso? Ela se perguntava. Por que ter que aceitar uma condição como essa?

Quando voltamos da sessão, Simone pensativa repetiu a mesma questão. Sabia que ela não esperava uma resposta minha. Apenas refletia-se em voz alta aquilo que se passava em sua mente.
Devolvi a questão com uma pergunta: “Você está com alguém contra sua vontade? Você sabe que nesta vida você não é mais prisioneira de ninguém, não é?”
Como costuma acontecer, a vida passada estava apenas mostrando um padrão repetido na vida da minha cliente. Ela que se sentiu à vontade na minha presença confidenciou que não amava o marido, mas que ele era rico, e lhe dava tudo, então ficava difícil se separar...
“Como posso ajudá-la?” Perguntei na real intenção.
“Acho que não há muito a ser feito porque não estou disposta a abrir mão da minha vida”.
O que poderia dizer frente a esta constatação dos fatos?
Caberia a mim dizer a essa moça que temos que ouvir o coração e que nenhum dinheiro do mundo vale mais que a paz interior?
De fato o problema não era espiritual, e muitas coisas em nossa vida não são apenas espirituais, mas envolvem a nossa conduta, nossas escolhas e o compromisso com uma vida melhor.

Ao contrário de minha cliente deste dia, a maioria das mulheres acaba assumindo compromissos demais; sentem-se pesadas, assumem maridos e filhos como complicadas obrigações em suas vidas e acabam deixando a juventude passar.
Acho que você conhece também aquelas que vestem as indumentárias das guerreiras que têm que batalhar muito para ganhar a vida, aquelas que sabem que a vida é difícil e que não há muito espaço e tempo para felicidade. Enfim, o mundo está cheio de heroínas, mas e nós, as outras, aquelas que querem apenas uma vida normal, com amor, compromisso de nossos parceiros, e felicidade conjugal... onde ficamos? Será que nossos medos nos permitem sobreviver às imposturas deste mundo?

Não sei quanto a você, mas há pelo menos 15 anos estou pagando para ver... Já reconstrui os meus caminhos algumas vezes, desde então. Claro que recebi muita ajuda espiritual, inspiração e empurrões que algumas vezes me levaram ladeira abaixo, mas sobrevivi. E a cada dia, sei que posso me recriar de uma forma diferente. Posso fazer melhor, descobrir outras coisas e novas formas de encarar a vida porque nada está totalmente pronto.

Do fundo do meu coração, digo a você que a vida espiritual é muito, mas muito importante, mas é aqui, nesta dimensão, que somos colocados para viver nossas crenças espirituais... então, é aqui que estão nossos desafios! E dentre estes, o mais sério, no meu ponto de vista, é seguir o chamado da alma sendo fiel a si mesmo.
Se você escuta sua alma, você terá coragem de recomeçar o que for preciso, e não haverá nenhum dinheiro no mundo que compre essa força que vem do seu interior.

Se você gostou da energia deste artigo confira a vibração do Grupo de meditação que a Maria Silvia coordena.

Texto revisado por: Cris



Compartilhe

Autor: Maria Silvia Orlovas   
Maria Silvia Orlovas é uma forte sensitiva que possui um dom muito especial de ver as vidas passadas das pessoas à sua volta e receber orientações dos seus mentores.
Me acompanhe no Twitter e Visite meu blog

E-mail: msorlovas@gmail.com
Visite o Site do autor e leia mais artigos.
Publicado em 4/12/2007

Deixe sua opinião sobre este artigo

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


 
Energias para Hoje

energia
I-Ching: 34 – TA CHUANG – O PODER DO GRANDE
O momento é favorável para tomar atitudes, mas você deve saber usar corretamente o poder de que dispõe. A verdadeira força é a que nunca se afasta do caminho da justiça.


energia
Runas: Perdhro
Ganhos inesperados, revelações agradáveis.


23
Numerologia: Expansão
Bom dia para vendas, propaganda e promoção em qualquer área. Você pode fazer sua própria sorte hoje, permita-se a ousadia e busque vantagens para sua vida. Canalize sabiamente essa energia e atue de modo decisivo.
 
 
Horóscopo da Semana
Áries Áries Libra Libra
Touro Touro Escorpião Escorpião
Gêmeos Gêmeos Sagitário Sagitário
Câncer Câncer Capricórnio Capricórnio
Leão Leão Aquário Aquário
Virgem Virgem Peixes Peixes
 

+ Lidos da Semana anterior
1. Como fazer um homem ficar obcecado por você...
2. O que esperar de 2018?
3. Que tipo de amor você merece x qual atrai?
4. A Oração do Perdão
5. Por que há espíritos negativos
6. Como saber quando alguém não está tão a fim de você!
7. Limão para tratar o Sistema Digestivo
8. 3 sinais de que ele não está a fim de você de verdade!


 
Voltar ao Topo
Siga-nos
Facebook Twitter Instagram Gogole Plus Youtube
Somos Todos Um é um parceiro do iG Delas
© Copyright 2000 - 2017 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - Política de Privacidade