Somos Todos UM - HOME
O seu Portal de Autoconhecimento e Espiritualidade



Como seria sua vida se sua autoestima fosse melhor?  
Home > Autoconhecimento
Como seria sua vida se sua autoestima fosse melhor?

por Andre Lima


Recebi um e-mail de um rapaz me dizendo: "a falta de dinheiro e o peso em excesso estão acabando com a minha autoestima". Expliquei para ele que é o contrário. A falta de uma boa autoestima é que o está levando a esses problemas. Vamos entender por que.

Ter uma boa autoestima significa gostar de si mesmo: respeitar, admirar-se, apreciar a própria companhia, aceitar-se de forma incondicional. Todos nós temos pontos fortes na autoestima, mas também temos pontos fracos. São áreas onde não conseguimos nos amar de forma incondicional. Guardamos emoções, pensamentos e sentimentos negativos com relação a nós mesmos que acabam refletindo na qualidade da nossa vida exterior.

Problemas como:

Dificuldades de dizer não e impor limites/ necessidade de aprovação e reconhecimento/ não cuidar da saúde (alimentação inadequada, falta de exercícios etc..)/ falta de cuidado com aparência e higiene pessoal/ falta de zelo com os bens materiais/ timidez/ dificuldade de cultivar amizades/ sentimentos de incompetência/ sensação de não ser bom o suficiente/ sentir-se inadequado/ tendência a se autodepreciar, julgar a si mesmo negativamente/ não se permitir errar/ dificuldade de perdoar a si mesmo/ facilidade em se magoar e se ofender/ medo das críticas e julgamentos/ dificuldade de tomar decisões/ pessimismo/ dificuldade de ficar só/ tendência de se autossabotar para não crescer ou melhorar em uma ou mais áreas da vida/ sentimentos de inferioridade/ vício de interpretar as razões por trás das ações de outras pessoas/ ter pena de si mesmo/ dificuldade de encontrar qualidades em si mesmo/ necessidade de julgar e falar mal dos outros / medo de se relacionar/ dificuldades de ficar a vontade socialmente/ ciúme/ necessidade de bebida ou drogas para se socializar/ levar tudo pelo lado pessoal/ sentir-se vítima da vida/ dificuldade de ver qualidades em terceiros e elogiar/ sentimentos de não merecimento (que podem se manifestar em várias áreas da vida: financeira, relacionamentos, saúde física) etc.. São todos indicadores de que existem pontos fracos na autoestima.

Essas dificuldades relatadas acabam levando a outros problemas: vícios de todos os tipos, ganho de peso, depressão, relacionamentos destrutivos, dificuldades de crescimento profissional, problemas financeiros, pânico, fobia social etc..

A autoestima é bastante afetada durante a infância, período em que estamos em formação. Quanto mais recebemos atenção em forma de reconhecimento, elogios e afeto, mais alimentamos o nosso amor próprio.

A criança aprende a amar e aceitar a si mesma a partir do amor externo que ela recebe dos pais. Com o tempo, ela vai amadurecendo e um dia aprende que não precisa desse amor de fora e que pode amar a si mesma independente de fontes externas.

Entretanto, quando a criança é pouco elogiada, pouco reconhecida, tratada com indiferença, recebe muitas críticas, é abandonada e rejeitada, ela começa a interpretar inconscientemente que tem algo de errado com ela, que não é digna de receber amor e passa, então, a desenvolver problemas de autoestima. A criança passa a não conseguir amar a si mesma, pois não aprendeu como fazer isso e desenvolve autorrejeição e abandono . Torna-se, assim, um adulto que não amadureceu de forma plena emocionalmente e que vive em busca do amor externo, reconhecimento e aprovação de terceiros para se sentir bem.

Pais com boa autoestima conseguem dar para a criança o alimento emocional que ela precisa durante a infância. Mas a maioria dos pais carrega muitas dificuldades emocionais e por isso não consegue suprir a carência dos filhos. E assim ficamos marcados.

Felizmente essas marcas emocionais têm cura. Caso contrário, seríamos reféns de um passado que não temos como mudar. A *EFT (técnica para autolimpeza emocional, veja como receber um manual gratuito no final do artigo) é uma excelente ferramenta para limpar as memórias negativas do passado, lembranças de rejeição, medo, abandono e todo e qualquer tipo de pensamento ou sentimento ligados a padrões de autoestima baixa.

Com a autoestima mais elevada, nossa vida se torna muito melhor. É mais fácil dizer não e impor limites, o que nos faz construir amizades mais saudáveis pois conseguimos nos fazer respeitar. O mesmo é válido na questão dos relacionamentos amorosos. Além de ficar bem mais fácil atrair uma pessoa com um padrão emocional saudável.

Mais autoestima tem a ver com mais autoconfiança. O medo do julgamento e das críticas diminui e assim podemos seguir nosso verdadeiro caminho, independente do que os outros acham. À medida que a autoestima se eleva, ficamos mais otimistas. Fica mais fácil confiar na vida e empreender seja lá o que for.

Se houvesse um aumento considerável na autoestima geral da população, veríamos os níveis de consumo de bebida alcoólica caírem drasticamente. O álcool é usado como uma muleta para se ficar mais à vontade socialmente, e também para amenizar temporariamente o sofrimento interior que as pessoas carregam. Veríamos ainda uma diminuição de todos os outros tipos de vícios.

Com a melhora da autoestima, muitos começariam até a emagrecer. Não por que fariam um esforço pra isso, e sim, por que o desejo de comer em excesso simplesmente diminuiria. A comida também é utilizada como uma muleta. O prazer que ela proporciona mascara temporariamente o sofrimento latente que acumulamos. Quando estamos mais em paz, livres da nossa negatividade, além de reduzir o impulso de comer mais do que o organismo precisa, diminui-se também a vontade de se alimentar de comidas calóricas como doces e frituras e aumenta o desejo por comidas saudáveis.

Com uma autoestima melhor é bem mais fácil crescer profissionalmente e prosperar, pois os processos inconscientes de autossabotagem que nos levam à autopunição e perdas de oportunidades diminuem.

Com mais autoestima, aumenta também o senso de merecimento e nos tornamos melhores recebedores, sentindo que somos dignos de ter e receber amor, conforto, abundância material, saúde física. A vontade de cuidar de si mesmo se torna algo natural: fazer exercícios, dedicar tempo para autoconhecimento, ir ao dentista... A preguiça e a falta de vontade vão embora, dando lugar à alegria e energia para viver a vida.

Resumindo, cuidar da autoestima é tudo e mais um pouco.

André Lima - EFTPractitioner. *EFT - Emotional Freedom Techniques - É a autoacupuntura emocional sem agulhas. Ensina a desbloquear a energia estagnada nos meridianos, de forma fácil, rápida e extremamente eficaz, proporcionando a cura para questões físicas emocionais. Você mesmo pode se autoaplicar o método. Para receber manual gratuito da técnica e já começar a se beneficiar, acesse: http://www.eftbr.com.br/manual-gratuito.asp e baixe o seu manual.



Texto revisado




Compartilhe

Autor: Andre Lima   
André Lima é engenheiro e trabalha exclusivamente com autoconhecimento desde 2006. Vem divulgando e esinando em palestras e cursos presenciais e online sobre a EFT - Emotional Freedom Techniques, uma técnica revolucionária, simples e eficaz, para limpeza e cura de todos os tipos de emoções, pensamentos e crenças limitantes. 
E-mail: andre@eftbr.com.br
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Publicado em 4/16/2013

Deixe sua opinião sobre este artigo

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


 
Energias para Hoje

energia
I-Ching: 03 – CHUN – DIFICULDADE INICIAL
O início de todas as coisas é freqüentemente trabalhoso e difícil. Mas basta manter-se paciente e perseverar.


energia
Runas: Sowilo
Seja transparente. Dia excelente , força vital e sucesso.


19
Numerologia: Originalidade
Mudanças ha muito consideradas podem ser bem feitas hoje. Seja diferente e original. Este é o dia para o exercício da individualidade.
Experimente o novo e o ainda não tentado. Mantenha-se independente e decisivo e, sobretudo, tenha coragem de agir de acordo com os seus sonhos.
 
 
Horóscopo da Semana
Áries Áries Libra Libra
Touro Touro Escorpião Escorpião
Gêmeos Gêmeos Sagitário Sagitário
Câncer Câncer Capricórnio Capricórnio
Leão Leão Aquário Aquário
Virgem Virgem Peixes Peixes
 

+ Lidos da Semana anterior
1. Mães narcisistas e suas filhas
2. Como fazer um homem ficar obcecado por você...
3. A Oração do Perdão
4. Como saber quando alguém não está tão a fim de você!
5. Quem manda em você? Descubra os 3 motivos que limitam suas escolhas!
6. Dicas para criar um nome para a sua empresa
7. Sou comprometido, mas estou a fim de outra pessoa... E agora?
8. Limão para tratar o Sistema Digestivo


 
© Copyright 2000 - 2017 Somos Todos UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - Política de Privacidade