Artigo de Andre Lima: A Autossabotagem Que Impede o Seu Emagrecimento - | Artigos do Clube
 
A Autossabotagem Que Impede o Seu Emagrecimento  
   

A Autossabotagem Que Impede o Seu Emagrecimento

Autor Andre Lima - andre@eftbr.com.br


O que será que acontece que faz com que a maioria das pessoas que tentam emagrecer, ter tanta dificuldade de comer menos e com melhor qualidade e assim perder peso? E por que será que a maioria dos que perdem acabam recuperando parcialmente ou até mesmo todo o peso perdido?


As pessoas falam que é por falta de força de vontade. Mas por que será que é preciso ter tanta força de vontade assim pra conseguir se manter no peso ideal? Não deveria ser natural comer de forma equilibrada e ter um peso saudável? Sim, deveria, mas não é.
 

Deve haver algum problema mais profundo que gera uma grande autossabotagem. A maioria das pessoas já sabe o que deve fazer pra perder peso e manter. Mas, simplesmente, não conseguem por em prática e manter pelo resto da vida. E isso acontece na maioria das vezes por conta de uma coisa fundamental que não é tratada. É o que eu chamo de "fome emocional".


Existe a fome orgânica e a fome emocional. A fome organica vem da necessidade real do seu organismo de se alimentar e repor os nutrientes necessários pra manter o corpo funcionando de forma saudável. A fome emocional não tem nada a ver com esses fatores organicos, tem a ver sim, como o próprio nome já denuncia, com fatores emocionais.


Quando a fome emocional vem a tona, um impulso sabotador toma conta da pessoa e afeta as escolhas que ela faz, não deixando que o lado racional prevaleça. E aí, comer o que não se deve e além do que se deve é a consequencia. Tudo pra saciar a fome emocional.

Mas qual é a origem dessa fome e por que a força dela supera o nosso lado racional?


A ansiedade nos leva a buscar alguma fuga, algum prazer imediato que mascare ou nos distraia um pouco do desconforto. E a comida é um prazer muito fácil, acessível a maioria das pessoas a qualquer momento. Essa é uma das causas da fome emocional. Quando comemos, temporariamente nos sentimos reconfortados. Mas é claro que, a sensaçao de conforto passa e logo a pessoa precisará de mais…
 


Mas não é somente a ansiedade que causa fome emocional. Todo e qualquer tipo de sentimento negativo pode ser um causador: mágoa, tristeza, culpa, solidão, estresse, precoupação e etc. Pra todo e qualquer sentimento desconfortável, nós podemos ter o impulso de buscar comida para nos confortarmos um pouco.
 


O impulso que vem da da fome emocional é muito poderoso por que ele vem do nosso inconsciente, que é muito mais amplo e profundo do que a nossa mente racional que está no consciente. No nosso inconsciente ficam armezenadas as emoções, crenças, sentimentos, padrões de comportamento e muitos outros programas que ficam rodando no piloto automático. Fazendo a comparaçao com um iceber, o lado racional é somente a ponta dele que fica na superficie, enquanto que o inconsciente é a parte maior que fica submersa. A neurociencia comprova que de 95% a 99% das nossas decisões e ações são comandadas pela nossa mente inconsciente. Por isso é tão dificil ficar lutando contra esses impulsos sabotadores da fome emocional.


A forma de acabar com a fome emocional é através da descoberta e cura das emoções e sentimentos que estão causando o problema. Somente através do equilíbrio é que autossabotagem acaba e é possivel emagrecer sem luta. E a ferramenta mais simples, eficaz e fácil pra curar essas emoções é a EFT (tecnica pra autolimpeza emocional, baixe aqui o manual gratuito)
 

Uns anos atrás eu comecei a ganhar peso e fiquei uns 8 kilos acima do que eu normalmente pesava. E por mais que eu tentasse comer menos e emagrecer, eu não conseguia. Até conseguia por alguns dias, mas, depois voltava tudo e ganhava novamente o peso. Vinha o desejo de comer fora de hora, comer o que não deveria e sempre comia bem mais do que o meu organismo precisava, sempre exagerava. Eu percebia que eu comia pra compensar estresse, solidão e outros sentimentos.
 

A medida que eu fui me curando desses sentimentos, foi incrivel a mudança no meu apetite e nas minhas escolhas. A ansiedade baixou muito. A fome emocional, foi embora. Passei a comer bem menos e deixar de desejar as comidas que não são saudáveis. A partir daí eu comecei a emagrecer gradativamente e perdi todo o peso extra, sem fazer esforço nenhum pra isso. Eu não precisava ficar me controlando, comer menos e comer melhor passou a ser natural.
 

Essa é a chave fundamental pra emgracer e manter o peso, sem esforço e pra sempre: curar a fome emocional!
 

Pra explicar melhor esse assunto eu criei uma série de 03 videos gratuitos onde eu revelo mais detalhes sobre a fome emocional e outros 03 grandes mitos sabotadores do emagrecimento, e como se libertar de todos eles, de uma vez por todas:

Video: A autossabotagem que impede o seu emagrecimento
 

Aproveite pois essa série ficará no ar por poucos dias!

*EFT - Emotional Freedom Techniques - Técnica que ensina a desbloquear a energia estagnada nos meridianos, de forma fácil, rápida e extremamente eficaz, proporcionando a cura para questões físicas e emocionais. Você mesmo pode se autoaplicar o método. Para receber manual gratuito da técnica e já começar a se beneficiar, acesse este link
 
 



Obrigado por votar
Gostou deste Artigo?   Sim   Não   

Autor: Andre Lima   
André Lima é engenheiro e trabalha exclusivamente com autoconhecimento desde 2006. Vem divulgando e esinando em palestras e cursos presenciais e online sobre a EFT - Emotional Freedom Techniques, uma técnica revolucionária, simples e eficaz, para limpeza e cura de todos os tipos de emoções, pensamentos e crenças limitantes.
E-mail: andre@eftbr.com.br
Visite o Site do autor e leia mais artigos.

Publicado em 15/01/2015
 

Deixe sua opinião sobre este artigo



Acessar seu Clube STUM
Faça
seu login


© Copyright 2000-2017 SOMOS TODOS UM - O conteúdo desta página é de exclusiva responsabilidade do Participante do Clube. O Stum não se responsabiliza por quaisquer prestações de serviços oferecidos pelos associados do Clube, conforme termo de uso STUM.