Esqueci a senha
 

 
SINTONIA NO AMOR
Bookmark and Share

SINTONIA NO AMOR

por Paulo Valzacchi - paulo@cebinet.com.br

Muitas pessoas falam sobre a lei da atração, mas esquecem-se que existe algo por trás dela, a propriedade chamada "sintonia".

Ela envolve tudo, inclusive participa até de outras leis, como por exemplo a sincronicidade.

Imagine você, uma pessoa calma, tranquila, um tanto isolada, certamente sua energia vibratória não vai atrair pessoas explosivas, dinâmicas, e você não será encontrada em uma balada ou coisa do gênero.

Nossa vibração pessoal é criada pelos nossos pensamentos e emoções  e se sintoniza com frequências parecidas.

Neste caso os opostos não se atraem, muito pelo contrário se afastam.

Em prática é muito simples observar, que as pessoas acabam se unindo e se afastando, tudo por sintonia.

No ditado popuplar até temos uma comprovação: " meu santo não bateu com o dele ".

Mas vamos chegar a um ponto de mais destaque, os relacionamentos.

No relacionamentos existe algo fundamental, a cumplicidade, a troca de experiências e a participação efetiva.

A união em si é feita por sintonia e desagregada também por sintonia.

Se não existe o ato de compartilhar, pode ocorrer distanciamento.

Vera é uma jovem que namorou durante 5 anos um rapaz que ela denomina simplesmente "fantástico",
mas com o passar do tempo algo ocorreu.

Vera se dedeicou ao crescimento pessoal, mais madura, procurou meditação, cursos de auto-ajuda, ela gostava de ir ao parque, sentir a natureza, adorava dançar, ler e se divertir, no começo parecia uma sintonia perfeita, mas com o tempo, seu companheiro já não entendia a proposta, ele era do tipo, jogar bola, beber e sair com os amigos, não gostava de dançar, não lia, nem comentava nada sobre conhecimento, no final ambos estavam em frequências diferentes, e não se sintonizavam mais.

Isto pode ocorrer?

Sim, pode.

O que mais vemos são pessoas que não compartilham afinidades, por poucas que sejam, e acabam se distanciando ou tendo problemas em seus relacionamentos.

Cada um esta em um processo de evolução diferente, nem mais, nem menos, que fique claro, isso não tem nada a ver com evolução, mas quando estas diferenças ocorerm, parece que cada um esta em um degrau diferente da escada, e não conseguem mais subir juntos.

Marcio re-encontrou um amor de anos atrás, proposto a ir a fundo e realmente tentar um relacionamentos maduro, ele simplesmente se decepcionou, nos cinco anos que ficou distante dela Marcio cresceu, mas não percebeu que a sua companheira simplesmente parou no tempo.

Eu não diria que fosse crescimento, como Márcio denotou, mas que  estavam agora em momentos e sintonia diferentes, pensavam diferente, sentiam diferente, até mesmo a química e os bons momentos de ambos no passado não foram suficientes para uni-los, tudo era diferente, alguém havia amadurecido, outro não.

Sintonia é algo importante, elas são divisórias do mundo, pessoas negativas atraem pessoas negativas, pessoas ansiosas ficam na fila maior do banco, e criam mais ansiedade, se você é do tipo levar vantagem em tudo, pessoas assim estarão ao seu lado, todo o universo se une por sintonia, e em geral quando mundos opostos se chocam tendem a criar o caos, que não é bom, nem mal, mas promove grandes mudanças e transformações.

No seu relacionamento, estar sintonizado com afinidades, vai fazer você desfrutar de uma vida compartilhada, repleta de coisas especiais, mas lembre-se : sintonia não significa que o outro tenha de fazer as mesmas coisas que você, ou gostar das mesmas coisas, não significa que ambos tenham de trabalhar juntos, ou terem profissões parecidas, sintonia significa falar linguas parecidas, e compartilhas esse mundo de forma integral.

Por isso chegou o seu momento de sintonizar-se, mas lembre-se:

Tudo com muito entendimento. 

 




por Paulo Valzacchi   
www.meupoder.com.br - Biomédico, professor, conferencista, mais de 5 livros editados, possui mais de 50 CDs de crescimento pessoal - autor da série subliminar e Brainwave Pioneiro no Brasil. Especialista em saude emocional. autor do Livro : O DIÁRIO DO MAÇOM.
Lido 833 vezes, 14 votos positivos e 0 votos negativos.   
E-mail: paulo@cebinet.com.br
Visite o Site do autor

Gostou deste Artigo?
Sim Não    
Imprimir
este Artigo
Enviar para
um amigo
Outros Artigos
deste autor


© Copyright 2000-2014 SOMOS TODOS UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
PRINCIPAL ARTIGOS
LOGAR PRODUTOS
ASSINAR SERVIÇOS
PARTICIPANTES EVENTOS