Esqueci a senha
 

 
O que é Liberação Cármica
Bookmark and Share

O que é Liberação Cármica

por Roberta Dias - robertaholistica@hotmail.com

A palavra "Carma" vem sendo amplamente utilizada, algumas vezes até num sentido muito limitado perante o seu real significado. Em outro artigo - "É possível transcender ao carma?" - abordo a definição e tradução literal desta palavra tão popular, quanto mal compreendida. Carma é a palavra utilizada para definir o conjunto de reações às ações cometidas. Pode ser entendida como a responsabilidade que tenho por todas as minhas atitudes, sejam elas em pensamentos, sentimentos, palavras e ações. Mesmo que eu não lembre de minhas escolhas passadas, estas estão arquivadas em meus registros pessoais, numa memória profunda que pode ser acessada através de regressão de memória ou de leituras por pessoas treinadas para acessar estes registros.
Outras vezes estas memórias emergem em nossa consciência através de imagens ou sensações que não sabemos explicar ou entender. Outras vezes ainda, estas memórias vêm camufladas através de medos, fobias, sentimentos de culpa, tristeza, etc. De quaquer forma, não há como fugir das nossas responsabilidades. Contudo, podemos aprender com nossos erros e decidir o que fazer com estas memórias. O importante aqui é lembrar que o passado é um grande mestre, podemos aprender com ele e só. Carregamos muitas histórias do passado sem estarem resolvidas e, o pior, acreditando que precisamos "pagar" por todos os nossos erros. A maioria de nós já quitou suas dívidas com o Universo, porém, continua se sentindo culpado e escolhe então, continuar vivenciando as punições e sofrimentos. Muitas de nossas ações até o dia de hoje, foram muito positivas carmicamente, ou seja, estão de acordo com as leis Universais.
Geralmente, são ações ligadas ao Amor, revelado através do respeito, do perdão, da aceitação, da liberação, da alegria e da responsabilidade. Mesmo o criminoso mais frio e insensível já teve seus momentos de amor e ternura. Outras de nossas ações foram contra as leis, ou seja, podem ter sido pautadas por um sentimento de ódio, desejo de vingança, raiva, desrespeito, egoísmo, manipulação, etc.


Deste ponto de vista, fica claro que não existe julgamento e punição, o que existe é ação e reação. Por exemplo, se eu coloco o dedo na tomada, não importa se eu sou boazinha ou se sou má, eu vou levar um choque como qualquer pessoa. No entanto, não está havendo uma punição, simplesmente a atuação da Lei da Ação e Reação. Uma vez que se tenha compreendido o equívoco, não se colocará mais o dedo na tomada e então, não haverá mais choques. Simples, não? Através de nossas experiências podemos aprender como não tomar mais choques. Mas, é preciso também decidir parar de sofrer pelo que já passou.

É aqui que entra a Liberação Cármica. Liberar um carma não significa burlar a lei, deixando de arcar com a responsabilidade pelas escolhas feitas, mas sim, acelerar o processo de ajuste e liberar as feridas e sequelas deixadas pelo sofrimento vivido. Liberar um carma é um grande alívio para a alma. Cada um de nós tem o direito de liberar seus carmas assim que aceitar esta verdade. Podemos decidir se preferimos o caminho da dor e do sofrimento ou o caminho do Amor pois, o aprendizado pela dor não é mais necessário neste momento planetário. Ninguém sofre porque gosta de sofrer, mas de forma contraditória, acaba escolhendo o sofrimento como único caminho para a "salvação". Isso pode ser diferente na sua vida se você quiser. Existem muitos caminhos amorosos para este fim, e o principal pode ser feito por você mesmo quando quiser. Para liberar os carmas e curar as feridas deixadas pelo sofrimento, aqui vão alguns passos que você pode seguir:

1º - Lembre-se que você é um Ser Divino, muito mais completo, profundo, sábio e feliz do que tem consciência neste momento. Nos níveis mais sutis de sua existência você é completamente feliz, saudável e abundante e, esta consciência superior, guia sua manifestação no corpo físico. Portanto, sua vida é guiada por uma consciência superior, pelo seu próprio Mestre interno sempre que você permite. Confie!

2º - Lembre-se que por pior que tenham sido as agressões que sofreu em sua vida, nenhuma delas realmente o atingiu. O seu ser interno continua aí, firme e forte, seguindo sua caminhada. As agressões só atingem o seu Ego, o Eu pequeno, aquilo que você acredita ser no nível da personalidade. O seu ser mais profundo, o seu coração e a sua alma, não foram atingidos por qualquer mal projetado por outra pessoa. Portanto, qualquer ferida é apenas uma ilusão, pois, você continua inteiro, completo e totalmente saudável por dentro. Nada pode realmente afetá-lo. Você é maior do que os problemas!

3º - Não leve nada para o pessoal, apenas compreenda que a vida é um jogo e que todos estão tentando vencer e acabam então, ferindo uns aos outros, mesmo sem querer. Prossiga no jogo da Vida e não aceite mais ser vítima dos sofrimentos que se projetam sobre você. Escolha que quer manifestar as virtudes do seu Eu verdadeiro, como Alegria, Amor, Abundância, Saúde e então, deixe que elas brotem do seu coração! Lembrar-se disso, amplia sua consciência gradativamente e então, a liberação cármica se torna mais fácil a cada dia.

4º - Lembre-se que a Vida atua por vias misteriosas. Portanto, por mais impossível que possa parecer uma cura ou a solução de um problema,  lembre-se que tudo é possível. Mesmo que você não saiba como, a Inteligência Maior, pode tudo se o seu coração estiver aberto e cheio de gratidão!

5º - Perdoe e libere todas as pessoas que já lhe fizeram sofrer e lembre-se que você também precisa do perdão de muitas pessoas. Perdoar é liberar o outro e retomar as rédeas da sua própria vida! Liberte-se para liberar o sofrimento que ainda existe em sua vida, perdoe-se. Não existe vítima ou culpado, todos estão em processo de aprendizado. Ao perdoar você irá perceber que o sofrimento irá naturalmente sendo amenizado até que um dia a dor desaparece!

Quando estas verdades estiverem sendo a sua Verdade, você passará a experimentar muitas curas e liberações que vêm direto de seu coração para a sua Vida. Estes conhecimentos não devem ser apenas entendidos pela mente, mas compreendidos pelo seu coração e apoiados pela sua decisão mental de vivê-los. Caso você tenha dificuldade de perceber um sentimento limitador ou identificar a causa do seu sofrimento, peça ajuda ou busque as respostas num caminho de autoconhecimento, onde todo auxílio será apenas um empurrãozinho ao seu ardente desejo de se Libertar!


Texto revisado por Cris




por Roberta Dias   
Roberta Dias – Terapeuta Holística – RTA: 909432 / Registrada no Conselho Holístico do Estado do Paraná – Membro da Ass. Bras. de Radiestesia (ABRAD – 3655/06), Mestra em Reiki nos sistemas Usui e Tibetano - Sekhem - Karuna, estudiosa da Radiestesia, Conscienciologia, atende na cidade de Curitiba e no consultório virtual.
Lido 1649 vezes, 23 votos positivos e 0 votos negativos.   
E-mail: robertaholistica@hotmail.com
Visite o Site do autor

Gostou deste Artigo?
Sim Não    
Imprimir
este Artigo
Enviar para
um amigo
Outros Artigos
deste autor


© Copyright 2000-2014 SOMOS TODOS UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
PRINCIPAL ARTIGOS
LOGAR PRODUTOS
ASSINAR SERVIÇOS
PARTICIPANTES EVENTOS