Esqueci a senha
 

 
Bookmark and Share

BIORRESSONÂNCIA: Diagnóstico e Terapêutica

por Ana Esmeralda Lucas - nucleo@nucleoalquimico.com.br

O avanço tecnológico na Medicina tem revolucionado progressivamente os métodos diagnósticos e, cada vez mais, chegamos a identificar a imagem anatômica e alterações macroscópicas permitindo um exame mais preciso dessas estruturas. Também a área de farmácia, no crescimento vertiginoso destes últimos 30 anos, tem conseguido um real avanço, à despeito de certas doenças crônicas não acharem ainda terapia curativa.

Mas este avanço na medicina tem nos custado muito a ponto de começarmos a pensar no custo-benefício para atender uma população cada vez mais doente, uma vez que não se tem conseguido realizar estes exames de alto custo em toda a população, a ponto de lançarem mão de processo jurídico para consegui-lo. Isto foi motivo mais que suficiente para estudarmos a medicina realizada nos diferentes países. Rheinhold Voll uniu a acupuntura a homotoxicologia (Homeopatia Moderna); Hanneman desenvolveu a homeopatia que se espalhou no Brasil e pelos países europeus, onde se destacam a França e a Alemanha, esta última terra natal do pai da homeopatia. A oligoterapia nasceu na França e agora está disseminada pelo mundo; a acupuntura nascida na China e hoje espelhada por diferentes formas de Acupuntura Chinesa, Japonesa, Coreana, Francesa, etc.

Mas, para encurtar, foi conhecendo o BDORT que vi a grande possibilidade de realizar uma medicina que chega a se comparar aos melhores aparelhos - de forma extremamente barata - pois funciona como medicação alopática, mas também como fitoterapia. E principalmente, a fitoterapia nacional que é de potencialidade grande e barata. O método BDORT criado por Yoshiaki Omura que, pela sua observação mudou a área de teste de em fenômeno já existente na Cinesiologia que sofre a interferência mental, por exemplo, quando mentalizado algum alimento que nos faz mal diminuiu a força nos braços.

Omura, conhecedor de neurofisiologia, mudou para os dedos o local de exame. Trabalhando na Columbia University desenvolveu ali seus trabalhos que, progressivamente, vieram confirmar os achados clínicos. Antes de Omura, Kirlian, pesquisador russo, já tinha conseguido fotografar o campo magnético do corpo todo. Este conhecimento científico da corrente eletromagnética que nos envolve, é sabedor de que quando um órgão doente, testado, iria perder energia; foi testando com os dedos, com técnica específica que desenvolveu um ótimo método diagnóstico e terapia muitíssimo eficaz. Vários foram já os trabalhos publicados em revistas indexadas, como deixarei anotado nas referências. Foi também autor do livro traduzido para o português e prefaciado pelo clínico e coordenador do deparatamento de clínica médica da APM e coordenador da disciplina de Clínica Médica UNIFESP/EPM – Dr. Antônio Carlos Lopes.

Conhecendo a área da radiestesia e sabendo que esse processo, não conhecido pelo médicos, também identifica o campo eletromagnético que nos envolve, foi que me deu a idéia de desenvolver um aparelho extremamente prático, barato, de muito fácil manuseio e que permitisse o exame do paciente em qualquer lugar, adaptando-o para a área onde as correntes eletromagnéticas externas fossem sensivelmente diminuídas na área, pois dessa maneira, a energia sutil que nos envolve consegue se manifestar de maneira mais exuberante. Sabemos que vivemos em uma interface de ondas de energia cósmica positiva e a energia telúrica, negativa, que se encontram em equilíbrio. O desequilíbrio destas com o aumento preponderante da energia telúrica, é um fator inegável de doenças; basta ler os trabalhos de Jacques la Maya no livro" Medicina da Habitação".

Com esse aparelho podemos detectar no organismo as áreas de energias negativa e positiva e com uma interpretação desses achados inferimos as possibilidades diagnósticas possíveis. É um instrumento leve que transporta-se debaixo dos braços, podendo-se examinar o paciente em qualquer sala ou consultório. Sempre devemos realizar a história clínica e o exame propedêutico. O sinalizador do bio campo energético complementa a clínica propedêutica. A grande vantagem é que se faz também um exame físico e energético indicando seguramente os órgãos envolvidos. Cabe ao profissional, com essas informações, clarear o diagnóstico.

POSSIBILIDADES QUE O SINALIZADOR OFERECE

Juntando um kit de bactérias de lâminas podemos, além de detectar um órgão com infecção, determinarmos, no consultório, qual o germe responsável pela infecção. Se tivermos um kit de vários antibióticos é perfeitamente possível identificar o melhor antibiótico que debela a infecção. Como também definirmos, com precisão, quantos dias de antibiótico faremos utilizando, para isto, testes nos dias seguintes.

Outras possibilidades de realizar, como acertar o betabloqueador melhor, a dosagem mais adequada, e com isso os diferentes medicamentos como os antidiabéticos, hipotensores, tranqüilizantes, anestésicos para o paciente que vai para a cirurgia, etc. Também permite uma orientação nutrológica com a indicação de apenas alimentos com energia positiva. Esta orientação, segundo minhas observações, permite uma alimentação sadia, sem aumentar peso, sem elevar colesterol e triglicérides, além de possibilitar clinicamente uma sensação de bem estar, digestão fácil e sensação de disposição física incomum.

Outras possibilidades avaliam altas doses de agrotóxicos no corpo, metais pesados elevados impregnando órgãos que são identificados com o sinalizador, e em seguida propiciar com fitoterapia uma avaliação energética pré-terapia, de grande possibilidade de respostas, seguindo as indicações testadas com o sinalizador.
Pode-se avaliar deficiência de vitaminas e testar terapêuticas efetivas, com a confirmação dada pelo sinalizador, pelo que desenvolvi, prima por fitoterapia, indicada por testes de biorressonância, garantindo um efetivo sucesso da terapêutica a ser indicada.

Como conclusão tenho a comunicar que trata-se de um método simples de fácil realização e que dispõe de um segundo método para confirmar as afirmações realizadas ou mesmo as inferências a serem confirmadas pelo método tradicional. O meu objetivo é apenas contribuir para o engrandecimento dos conhecimentos médicos, permitir a difusão de um método simples calcado em observação de 3000 anos AC pela Medicina Chinesa. Permitir uma terapêutica barata, eficaz, a fim de que o nosso povo sofrido ganhe mais condições de saúde.

Por Nelson Modesto
Selecionado por Ana Esmeralda Lucas - Ismê
CRT 39.152
Terapeuta Holística em Fitoterapia, Florais de Bach, Bioeletrografia (Foto Kirlian), Biorressonância, Do-In, Naturopatia e Hipnose Ericksoniana.
Visite nosso site: http://www.nucleoalquimico.com.br
nucleo@nucleoalquimico.com.br
http://nucleo.alquimico.zip.net

Texto revisado por Cris


por Ana Esmeralda Lucas   
Lido 5661 vezes, 18 votos positivos e 2 votos negativos.   
Visite o Site do autor.   

Gostou deste Artigo?
Sim Não    
Imprimir
este Artigo
Enviar para
um amigo
Outros Artigos
deste autor


© Copyright 2000-2014 SOMOS TODOS UM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
PRINCIPAL ARTIGOS
LOGAR PRODUTOS
ASSINAR SERVIÇOS
PARTICIPANTES EVENTOS